Infográfico: como o consumo de álcool afeta o seu rendimento

Algumas latinhas de cerveja depois do trabalho, uns drinques durante o jantar na sexta-feira, mesmo com o longão marcado para sábado… Essas podem parecer atitudes comuns. Até porque muitas vezes associamos a ingestão de bebida alcoólica ao prazer e ao relaxamento. Mas o consumo de álcool pode atrapalhar seu rendimento em treinos e provas e até anular o esforço que você faz para evoluir na corrida.

Isso acontece pela forma como o álcool age no corpo, especialmente quando ingerido em grandes quantidades. Fígado e rins, sobretudo, acabam sobrecarregados e isso interfere nos sistemas de produção de energia e até no tempo de reação do organismo.

E a situação pode ficar pior levando em conta o contexto social. Aquela cerveja ao fim do dia geralmente é acompanhada por petiscos, ricos em sódio e gorduras, aumentando o problema para o corpo. E se tudo isso favorecer uma diminuição nas horas de sono então.

Mas, como quase tudo na vida, moderação é a palavra-chave. Se respeitada a recomendação de consumo máximo de 14 doses por semana, a ingestão de bebidas alcoólicas associada a uma vida ativa e a à prática de exercício físico pode ser benéfica. Alguns estudos apontam essa combinação como responsável pela redução em até 50% do risco de morte por doença cardíaca isquêmica.

Entenda de forma específica como o consumo de álcool afeta o corpo:

 

Fonte: Infográfico: como o consumo de álcool afeta o seu rendimento

Deixe seu comentário